16 - 12 - 2017

APF reune no Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social

A APF foi recebida no dia 4 de maio, de manhã, pelos assessores do Secretário de Estado do Emprego a quem demos a conhecer a associação, as atividades que temos desenvolvido e as nossas preocupações.

Referimos as situações de precariedade a que os formadores estão sujeitos e a carga fiscal a que estamos sujeitos assim como à contribuição social. Alertámos para a situação dos milhares casos falsos recibos verdes relacionados com a formação no nosso país.

Mostrámos ainda a preocupação quanto aos financiamentos para a formação e a falta de calendarização de candidaturas para esse efeito, mas infelizmente não obtivemos respostas objetivas. Neste momento o executivo está a analisar prioridades para depois poder agir em conformidade, pelo que nos disseram.

As certezas foram poucas ou nenhumas, apenas que a formação está a passar um período difícil e que terá de ser pensada de forma estratégica. Enquanto associação de Formadores consideramos que o Formador é peça vital para o sucesso da formação apostando na qualificação dos nossos profissionais e na sua especialização técnica.

Oficinas APF
Em destaque
Aos associados
Estatuto do Formador